13 de julho de 2009

Por hoje

Estava fazendo uma seleção das minhas crônicas, quando dei de cara com um texto que fiz no final do ano passado para o jornal Volta Cultural. O título era “Não tenho tema”. Engraçado como em algumas fases passamos como se estivéssemos em branco, tal como a tela do computador. Para os grandes escritores ou cronistas que precisam entregar seus textos nos prazos determinados, isso deve ser um sofrimento gritante. Olhar e olhar para a tela do computador e não sair nada.

Na verdade, assunto por aqui não falta, o que anda meio em falta é disposição. Meu caderninho está lotado de rascunhos, ideias, rasbiscos, lembretes, mas daí a fazer uma ponte entre ele e o notebook, vai um esforço meio hercúleo para os meus dias atuais.

De qualquer forma, cá estou a dar uma satisfação aos meus fiéis leitores, pois não é à toa que a pasta onde arquivo meus textos chama-se “Mania de Escrever”, algo que me acompanha desde os 12 anos. E se escrevo, é porque quero que alguém leia; se não escrevo, quem gostaria de ler sente falta (quero crer nisso, ui).

***

Para lembar a todos, meu programa Universo Literário, na Rádio UniFOA, mudou de dia e horários.

Agora estamos no ar todas as sextas-feiras, às 8h, 11h, 14h, 17h, 20h, 23h, com reprodução aos sábados, 2 e 5 horas da manhã, 11h30 e 16h30, e aos domingos, às 16h e 20h.


Tem opção até para quem não tem tempo!

***

Participe você também do projeto Livro Social – leia e passe adiante.

Em Volta Redonda, os pontos de coleta de doações de livros são as lojas da Livraria Veredas, no Sider Shopping e no Shopping Pontual.

Vamos dar uma faxina nas estantes! Com certeza tem algum livro que você pode fazer circular!


.

3 comentários:

Rafael Lima disse...

Fala menina! Como está? Visite meu blog, ok? www.limaestudio.com

Abraço,
Rafael

Cintia disse...

amo seus escritos e um dia eles vão virar um livro!
;]

Thayra Azevedo ♥ disse...

Minha linda e querida Titia Gio. rs
Não perco o costume de te chamar assim, é a forma mais doce que encontrei de demonstrar meu amor, carinho e admiração por você.
Quero te agradecer por tudo que significa em meu caminhar. Receber um elogio seu é algo de muita honra, pois tu és um exemplo de tudo para mim. Mãe, mulher, profissional, garra, coragem, esperança... OBRIGADA! Que Deus possa iluminar sempre seus passos. Que os 'amigos invisíveis' sejam presença constante ao seu lado. Eu amo você. Mais uma vez, obrigada. Beijos