27 de junho de 2011

Entre diluída e entupida

A pessoa aqui até que tentou, mas o máximo que conseguiu foi ler durante o feriado, pois podia recostar a cabeça. Quanto a escrever, caro leitor, ainda não foi possível.

A dificuldade em fixar os olhos na tela do computador, com o nariz na sua posição natural, ou seja, com as narinas apontadas para baixo, foram e são impedimentos para grafar mais que duas linhas.

Este pequeno desabafo, por exemplo, foi escrito durante uma manhã inteira, entre um espirro e outro, congestão e descongestão, com ajuda de remedinho, e idas ao banheiro para me diluir em coriza.

Espero conseguir escrever algo mais que isso ao longo da semana. Haja antialérgicos.

2 comentários:

Carlucio Bicudo disse...

Espero que melhore logo!
Estou esperando para ler os teus belos contos.

Abraços...

c i n t i a disse...

Caramba! Tá pior que eu! Tadinha!!!
Bjs e se cuida.

*-*