28 de fevereiro de 2011

Papo Rápido Gastronômico

* Enfim, uma boa opção de almoço self service em Volta Redonda. Recomendo aos meus queridos leitores conhecerem o Centeio, no bairro Aterrado. Comida de boa qualidade, opções de carnes (bovina, aves e peixes) saladas, ambiente climatizado, ótimo atendimento. Virei cliente de carteirinha, pelo menos nos fins de semana. Em tempo: o restaurante não patrocina um centavo deste blog. O elogio é pela qualidade mesmo.

* Outra que não é publicidade: Botequim 33, o melhor chopp da cidade. Gelado, com colarinho na medida. O espaço é que está ficando apertado, prejudicando o serviço. Uma pena.

* O gerente bem que já me contou de todas as tentativas de controle, mas o problema das moscas na padaria Madrigal parece sem solução. Aquelas bandejas de pãezinhos e tira-gostos não param fechadas e a invasão é certa. Não dá pra comprar.

* Peço, encarecidamente, aos donos de boteco da minha cidade, que incluam em seus cardápios mais opções de petiscos para quem não come carne vermelha. É brochante abrir o cardápio e descobrir que o único tira-gosto para acompanhar o chopp é batata frita, azeitona ou queijo. Quando muito, a casa oferece o tradicional frango a passarinho, sempre encharcadinho. Argh!
.

6 comentários:

Volta cultural disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thayra Azevedo ♥ disse...

Isso mesmo, apoiado: "Peço, encarecidamente, aos donos de boteco da minha cidade, que incluam em seus cardápios mais opções de petiscos para quem não come carne vermelha". Eu não posso comer nenhuma das opções que são servidas, nem queijo, azeitona, nem as batatinhas. Está faltando criatividade nos cardápios. rs

c i n t i a disse...

Esse Centeio me parece muito bom mesmo. Já recebi covite para almoçar lá, falta marcar o dia.
Qto à Madrigal, aqueles pãezinhos descobertos me dá um certo nojo... As pessoas chegam da rua, tocam os pães ali, abertos, mesmo sem querer. Foram que sempre tem uma tosse, espirro, essas nojeirinhas... Argh! Eles precisam rápido colocar uma vitrine de vidro e pronto. Igual à padaria do Royal, no Aterrado, já viu?!
No Botequim 33 tinha jiló frito! Já provou? Dizem que é muito bom, minha irmã adooora. E sempre rola a famosa tábua de frios, mas é cara e vem pouca coisa ne?

Bjs!!!!

Anônimo disse...

Concordo, Giovana. A Madrigal precisa rever essa vitrine de pães urgente.

Ótimos textos por aqui. Vou passar mais vezes.

Abçs,
Rita de Cássia

Anônimo disse...

O Botiquim 33 está ficando apertadinho mesmo.
Quanto a Madrigal, justo o comentário. E eu adoooro as guloseimas de lá iushaiusha! Mas fazer o que?

Abraços,

Frederico Kanashiro

ecochato disse...

Sou de Itatiaia, mas frequento muito Volta Redonda. Vou pra minha cidade apenas nos fds.
Concordo com todas os pontos que vc citou.

Em especial, queria comentar sobre a Padaria Madrigal. Se a própria autora do blog disse que o Gerente já falou com ela que tentou de tudo e nada esolve o problema com as moscas, então, relaxem. Elas sempre vão estar ali! Hehehe!

Sou consumidor frequente do local e confesso que desde que tiraram aqueles tecidos (me parecem uns veus) que ficavam protegendo os pães, as coisas ficaram piores.

Porém, se formos analisar friamente, NENHUMA padaria de VR se safa. É cada uma pior que a outra. Se vc entrar e reparar no detalhe, vai ver muita coisa errada em relação à higiene. A Madrigal é apenas mais uma.

Como disse a autora: "Não dá para comprar."

Abçs