24 de janeiro de 2010

Espírito Santo proíbe uso de animais em circo

Adoro dar notícias boas. E essa é especial.

Desde a última quinta-feira, 21 de janeiro, o Espírito Santo tornou-se o oitavo estado no país a proibir a exploração de animais por empresas circenses, ao lado da Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. Em Santa Catarina e no Ceará projetos semelhantes encontram-se em tramitação.

Na tarde de quarta-feira, o governador Paulo Hartung sancionou o projeto de lei 461/2009, de autoria do deputado Hércules Silveira (PMDB). Um dia antes, o projeto recebeu parecer favorável do procurador geral do estado, Rodrigo Rabello. A lei já foi publicada no Diário Oficial do Estado.

A lei do coroa um trabalho de três anos, articulado pelo Forum Capixaba em Defesa dos Direitos e Bem Estar Animal (Foca) junto ao Instituto Orca (Organização e Consciência Ambiental), Associação Amigo dos Animais do ES (Amaes), Sociedade Protetora dos Animais do ES (Sopaes) e Grupo de Libertação dos Animais do ES (Gala), com apoio da WSPA (sigla em inglês para Sociedade Mundial de Proteção dos Animais - World Society for the Protection of Animals) e Ibama/ES.

Aos poucos a decência e a dignidade dos animais vão vencendo barreiras. Espero em breve dar a notícia do fim do uso de animais em circo nos estados de Santa Catarina e Ceará e, quem sabe, a humilhação por que passam milhares de animais país afora acabe na totalidade dos estados brasileiros. Creio nisso, com certeza. O processo é lento, mas acontece. Ainda bem.
.

Um comentário:

Cintia disse...

eu tb adorei esssa matéria. daqui a pouco mais estados seguem o exemplo.