23 de novembro de 2007

Do diário de Evelyn Waugh, em agosto de 1943: ‘Não quero influenciar opiniões ou acontecimentos, denunciar farsas e nem nada do tipo. Não quero ser útil a nada nem a ninguém. Quero apenas fazer o meu trabalho de artista’. Colocando ‘escritor’ no lugar de ‘artista’, E. W. exprime os meus sentimentos com exatidão. Preciso expulsar do meu ombro o censor de que eu-devia-estar-dizendo e, em vez disso, prestar atenção ao que eu-sinto-de-verdade, por mais que isso possa prejudicar minha reputação. Minha persona e eu nunca combinamos totalmente. O resultado é que nos afastamos e perdi contato comigo mesmo, além da autoconfiança.”
Diário de Kenneth Tynan
Transcrito pela Revista Piauí
Novembro/2007

2 comentários:

POESIA EM VOLTA disse...

Bela postagem! Belo texto! Linda escritora!

cintia sibucs disse...

texto muito interesante.
mexe com os pensamentos!